Benefícios da cúrcuma com pimenta preta

De volta para Blog

Benefícios da cúrcuma com pimenta preta

Por que misturar cúrcuma com pimenta?

Sobre os inúmeros benefícios da cúrcuma você já deve ter lido por aqui em nosso blog, mas o mais interessante é que quando se mistura a cúrcuma com pimenta preta os benefícios são enormes e te ajuda absorver 2000 vezes mais curcumina.  Vamos juntos! Neste texto vou te explicar tudinho, você vai ler aqui:

  1. Como a cúrcuma e a pimenta preta funcionam juntas;
  2. Os 5  principais benefícios da cúrcuma e da pimenta preta:   Diminua a inflamação; Cúrcuma e a pimenta para ajudar na perda de peso; Suas propriedades de combate ao câncer; Suporte da saúde digestiva e Redução da dor
  3. Riscos e efeitos colaterais
  4. Quanto e como tomar
  5. Receita de pasta de cúrcuma com pimenta

Se você ainda não aderiu ao movimento que troca medicamentos pelos potinhos de temperos na cozinha está na hora de começar!  E aqui vamos falar de duas especiarias que fazem uma dupla poderosa contra diversas condições tóxicas do organismo. A medicina ayurvédica e a medicina chinesa já usam essa sinergia há milhares de anos e agora quem está colocando o foco na sua prateleira de temperos é a ciência da nutrição.  Ingredientes como açafrão e pimenta-do-reino são repletos de benefícios e demonstraram ter um poderoso impacto na saúde quando usados ​​juntos.

 

1. Como a cúrcuma e a pimenta preta funcionam juntas

Por que você precisa adicionar pimenta preta na cúrcuma?  Para simplificar, a cúrcuma contém um composto chamado curcumina, que é responsável pela maioria – para não dizer todas, das poderosas propriedades e benefícios à saúde. Da mesma forma, a pimenta-do-reino  contém um alcalóide conhecido como piperina, também cheia de propriedades medicinais consideradas terapêuticas.

Acontece que sozinha a curcumina é pouco biodisponível, ou seja, sua capacidade de ser absorvida pelo corpo é pequena. Por isso, é preciso combiná-la com uma gordura para melhorar a absorção e/ou com pimenta preta. A piperina presente na pimenta preta  aumenta intensamente sua absorção e permite que o corpo o use a curcumina com mais eficiência. Um estudo conduzido pelo Departamento de Farmacologia do St. John’s Medical College, na Índia, (pasmem!!) descobriu que a administração dos dois juntos aumentou a biodisponibilidade da curcumina em 2.000 por cento. (1)  .Sim, se você adicionar 5% de pimenta preta à sua cúrcuma, a absorção pode chegar a ser 2.000 vezes maior!!!

Quando combinados, esses dois ingredientes podem trazer alguns benefícios sérios, que vão desde a diminuição da inflamação, uma melhor digestão e redução nas dores articulares em geral.

Cúrcuma pura com pimenta preta Yamuna Artesanal

2. Os 5 principais benefícios da cúrcuma e pimenta preta

  • Diminuir a inflamação
    Pimenta preta e açafrão tem um impacto poderoso na redução da inflamação. Existem mais de 15.000 estudos e pesquisas sobre a cúrcuma. Um estudo publicado no Oncogene testou as propriedades antiinflamatórias de vários compostos diferentes e descobriu que a curcumina estava entre os mais potentes. Além de aumentar a absorção da curcumina, a piperina também demonstrou possuir seu próprio conjunto de efeitos antiinflamatórios. (2) Outro estudo descobriu que a piperina foi eficaz na redução de vários marcadores de inflamação em ratos com artrite. (3)
  • Pode ajudar na perda de peso
    Muitas pessoas usam açafrão e pimenta-do-reino para perder peso, graças à capacidade dessa poderosa combinação de aumentar a queima de gordura. De acordo com um estudo in vitro publicado na Biofactors, a curcumina pode ajudar a bloquear o crescimento de células de gordura para reduzir a obesidade. Outro estudo em animais mostrou que a administração de curcumina e piperina a camundongos aumentou a perda de gordura e reduziu a inflamação. (4) e (5)
  • Contém propriedades de combate ao câncer
    Nos últimos anos, o uso de açafrão e pimenta-do-reino para o câncer tem sido pesquisado intensamente. Embora a pesquisa atual seja limitada principalmente a estudos in vitro, eles sugerem que a curcumina pode ajudar a bloquear o crescimento e a propagação das células cancerosas, preservando as células saudáveis. Da mesma forma, a piperina demonstrou ajudar a matar as células cancerosas e prevenir a formação de tumores, sendo principalmente benéfica no tratamento do câncer de cólon. (6) e (7)
  • Suporte à saúde digestiva
    O açafrão e a pimenta-do-reino têm sido usados juntos pelas medicinas orientais há milhares de anos ​​para tratar problemas digestivos e otimizar a absorção de nutrientes. Pesquisas recentes mostram que a curcumina pode ser terapêutica para distúrbios digestivos inflamatórios, como doença de Crohn e colite ulcerativa. Além disso, a piperina também pode ajudar a promover a digestão adequada, estimulando as enzimas digestivas do pâncreas. (8) e (9)
  • Redução da dor
    Usar açafrão e pimenta-do-reino para a artrite é uma forma eficaz de controlar a dor e tratar os sintomas na origem. Isso porque, além de ter propriedades anti-inflamatórias e anti-artríticas, a cúrcuma e a pimenta-do-reino também atuam como analgésicos naturais. Um estudo demonstrou que a piperina é eficaz no tratamento da dor em ratos após apenas duas horas, mesmo quando usada em doses mais baixas (10). Outro estudo realizado na Índia também descobriu que a administração de açafrão em pacientes no pós-operatório ajudou a diminuir significativamente a dor e a fadiga em comparação com placebos(11)

 

3.Riscos e efeitos colaterais

Além dos muitos benefícios associados a essas duas especiarias, há possíveis efeitos colaterais do uso da cúrcuma e da pimenta-do-reino que também devem ser considerados. Claro que, embora seja praticamente impossível  que polvilhar cúrcuma em seus pratos favoritos cause sintomas adversos, ingerir em maior quantidade de curcuma e pimenta-do-reino em maior quantidade pode. Em particular, a suplementação foi associada a efeitos colaterais como náusea, diarreia, diminuição da pressão arterial e aumento do risco de sangramento. Por isso, consulte um profissional da saúde, nutricionista, médico ou  fitoterapeuta caso você tenha tendência a algum desses sintomas.

4.Quanta cúrcuma e pimenta do reino você deve tomar diariamente?

Embora não haja uma dosagem oficial recomendada, a maioria das pesquisas foi conduzida usando doses entre 500–2.000 miligramas por dia de curcumina e cerca de 20 miligramas de piperina. Outros estudos sugerem uma proporção de cúrcuma e pimenta-do-reino de aproximadamente 100: 5 para melhores resultados.

Para minimizar os efeitos colaterais e maximizar os benefícios potenciais para a saúde, no entanto, certifique-se de usar apenas conforme as instruções. Além disso, consulte seu médico, nutricionista ou naturólogo antes de iniciar a suplementação se você tiver quaisquer problemas de saúde ou preocupações subjacentes. Você pode consultar este outro artigo aqui do blog que fala somente sobre dosagens.

 

5.Receitinha de pasta de cúrcuma com pimenta

Aqui em casa eu tenho uma receitinha que aprendi com uma professora indiana de Ayurveda que é prática e maravilhosa e sempre indiquei para os meus interagentes.

  • 85g de cúrcuma pura (uso o nosso potinho de cúrcuma da Yamuna)
  • 4g de pimenta do reino moída (eu faço a moagem em casa dos grãos, no moedor de café ou no pilão)
  • 2 colheres de sopa de óleo de coco bem cheias ou de manteiga ghee
  • 1 colher de sopa de mel (se você não consome mel pode substituir por mel de tâmaras, melado ou mais óleo de coco)

De tanto nossos clientes pedirem criamos aqui na Yamuna a mistura pronta de cúrcuma com pimenta, na proporção de 100:5. Você pode usar para fazer a misturinha da receita ou usar como tempero normal no dia a dia, na sua cozinha.

Preparo:

Leve  uma tigela em banho maria com óleo de coco e o mel até derreter, depois vá adicionando e mexendo a cúrcuma e a pimenta lentamente até formar uma pastinha. Pronto!

Volte tudo para um potinho e guarde fechado.  Você vai perceber que depois de algumas horas as especiarias vão absorvendo o óleo e o mel até ficar mais firme e moldável. É isso mesmo.

E como eu faço para tomar?

1 colher de cafezinho bem cheia 2 vezes ao dia ou conforme indicação do seu terapeuta. Você pode dividir esta porção em duas partes e ingerir uma por vez caso seja demais em apenas uma vez.

Agora, como eu Daiane faço para tomar é assim: Preparo um copo de água para ajudar a engolir, faço a medida na colherinha e com a ponta dos dedos enrolo como se fosse um docinho. Depois coloco na boca, mais no fundo da língua e engulo com bastante água como se fosse uma cápsula, sem mastigar ou tocar nos dentes. Não aconselho a dissolver na boca pois realmente não me agrada a sensação, mas meus filhos gostam, principalmente quando faço com mais mel (aliás meus filhos costumam chupar  spirulina como se fosse balinha).

Onde comprar cúrcuma com pimenta preta?

Nós criamos esse blend nas proporções corretas para maior absorção da curcumina, basta clicar na imagem abaixo para acessar o produto em nossa loja:

 

Referências:

(1) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/9619120/

(2) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15489888

(3) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2688199/

(4) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/23339049/

(5) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5801844/

(6) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2758121/

(7) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/24819444/

(8) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3882399/

(9) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/17987447/

(10) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25312168/

(11) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/21671126/

Imagem pasta de cúrcuma: https://foolproofliving.com/

Comentários (2)

  • Elizabeth G. Castedo Responder

    Olá ao casal, admiro bastante o trabalho d vcs embora não seja uma ótima consumidora, nesses tempos + difíceis. Utilizo a curcuma, a massala vatta q duram muitíssimo.
    Esse artigo é super interessante e embora ainda tenha circulação vou comprar com pimenta preta. Mas gostaria d saber com vcs se queima muito o estômago pois tenho gastrite refluxo e digestão lenta.
    NAMASTÊ.

    31/08/2021 a 18:08
    • Daiane | Bernardo - Yamuna Responder

      Oi Elisabeth, tudo bem?
      Não vai queimar o seu estomago não pois a quantidade de pimenta é muito pequena para causar qualquer desconforto mesmo para quem tem gastrite. A cúrcuma com pimenta com certeza pode te ajudar a melhorar a força digestiva.
      um abraço!
      Daiane

      31/08/2021 a 21:53

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

De volta para Blog